25 de Janeiro de 2019

Proposta de curso

Objetivo

  • Aprovar Curso de Pós-Graduação Lato Sensu - Especialização.

Fluxo:

  • Para todos os cursos, o primeiro passo é entrar em contato com a Finatec, com a responsável pela especialização da UnB, Juliana Krause Rabelo, através do telefone 3348-0456 ou email Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.r

 

Procedimento

Formulários

 

Para informações e acessar formulários especificos do DPI para inclusão ao processo acessar o link abaixo:

 

DPI - Decanato de Pesquisa e Inovação

DPA - Diretoria de Apoio a Projetos Acadêmicos

Coordenação de Análise e Instrução de Projetos - CAIProj

15 de Março de 2017

Como encaminhar solicitações relacionadas à bolsa da Demanda Social?

Objetivo

  • Orientar sobre o preenchimento dos Formulários e sobre as regras do encaminhamento deste tipo de solicitação.

Como funciona?

As solicitações devem conter as seguintes documentações:

  • Despacho inicial tendo o nome do aluno como interessado. No despacho, deverá ter a informação do nome do discente, nome da Pós-Graduação e nível (Mestrado ou Doutorado).
  • Formulário(s) adequado(s) para cancelamento, suspensão ou cadastramento.

 

Legislação

 

Portaria n° 76, de 14/04/10 - Novo Regulamento - Demanda Social

Portaria n° 248, concessão de bolsa em função de maternidade

Portaria n° 42, Regulamento do Programa de concessão de bolsa em função de maternidade

Portaria n° 52 - Regulamento do Programa de Demanda Social

  

Formulários

 

Os formulários diversos encontram-se disponíveis nos links abaixo:

Formulário para Cadastramento de discente

Formulário para Cancelamento de Bolsa

Formulário para Solicitação de Interrupção/Suspensão de Bolsa

Modelo de Termo de Compromisso para o cadastramento de discentes

 

Orientações/Informações

 

verificar sempre a página da capes para informações mais atualizadas:

http://www.capes.gov.br/bolsas/bolsas-no-pais/ds-e-proap

 

Procedimentos

 

Check List para cadastramento de bolsa da demanda social

Item Sim Não
01 – O discente está cadastrado na Plataforma Sucupira?    
02 – Há um despacho inicial criado com o campo “interessado” preenchido com o nome do discente?    
03 – Informou nesse despacho inicial do processo informando que é uma solicitação de cadastramento de bolsista com o nome do discente, nível (Mestrado ou Doutorado) e nome de sua Pós-Graduação?    
04 – Preencheu todos os campos do formulário? Atentar ao campo vínculo empregatício.    
05 – Informou uma conta corrente do Banco do Brasil?    
06 – Todas as assinaturas físicas foram feitas?    
07 – Todas as assinaturas eletrônicas foram feitas no processo?    
08 – O endereço no Termo de compromisso é de Brasília?    
09 – A assinatura do discente está com a firma reconhecida?    
10 – Foi informada a existência de cota para o discente ou um cancelamento para a substituição de bolsa?    
11 – Os dados bancários do discente estão legíveis?    
12 – Encaminhou o processo SEI para o Decanato de Pós-Graduação -DPG?    

 

Check List para cancelamento de bolsa da demanda social

Item Sim Não
01 – Há um despacho inicial criado com o campo “interessado” preenchido com o nome do discente?    
02 – Informou nesse despacho inicial do processo informando que é uma solicitação de cancelamento de bolsista com o nome do discente, nível (Mestrado ou Doutorado) e nome de sua Pós-Graduação?    
03 – Preencheu todos os campos do formulário?    
04 – O Formulário contém a assinatura física do Presidente da Comissão de Bolsas ou do Coordenador do PPG?    
05 – Todas as assinaturas eletrônicas foram feitas no processo?    
06 – Encaminhou o processo SEI para o Decanato de Pós-Graduação -DPG?    

 

Check List para suspensão de bolsa da demanda social

Item Sim Não
01 – Há um despacho inicial criado com o campo “interessado” preenchido com o nome do discente?    
02 – Informou nesse despacho inicial do processo informando que é uma suspensão de bolsista com o nome do discente, nível (Mestrado ou Doutorado), nome de sua Pós-Graduação e justificativa para a suspensão?    
03 – Preencheu todos os campos do formulário?    
04 – O Formulário contém a assinatura física do Presidente da Comissão de Bolsas ou do Coordenador do PPG?    
05 – O Formulário contém a assinatura física do bolsista?    
06 – Todas as assinaturas eletrônicas foram feitas no processo?    
07 – Encaminhou o processo SEI para o Decanato de Pós-Graduação -DPG?    

03 de Maio de 2016

Como solicitar a aprovação de proposta de cursos novos de mestrado e doutorado (APCN)?

Objetivo

  • Receber propostas de criação de novos cursos de pós-graduação (mestrado e/ou doutorado) para avaliação pela Câmara de Pesquisa e Pós-Graduação antes do envio à Capes.

Como Funciona?

  • O(s) departamento(s)/unidade(s) interessado(s) na criação de cursos novos de pós-graduação deve(m) elaborar uma proposta contendo os principais elementos que devem estar em consonância com o Manual da APCN da Capes (disponível no link: https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/lancamento/manual.jsf;jsessionid=-B7p4Xat2j5m13jj+Tv6R1uh.sucupira-76).

  • Após aprovação na(s) unidade(s) envolvida(s), o processo deve ser enviado ao DPG, via SEI.

  • A documentação será verificada e, estando completa, será enviada a um relator da Câmara de Pesquisa e Pós-Graduação (CPP) para análise e parecer.

  • O parecer do relator é votado em reunião ordinária da CPP.

  • A deliberação da CPP é comunicada ao professor responsável pela proposta. Se a proposta não for aprovada, o professor responsável pode solicitar reconsideração observando as datas das reuniões da CPP.

  • No período permitido pela Capes, o professor responsável pela proposta do curso, aprovada pela CPP, preenche o formulário APCN na página da Capes (link: https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/proposta/index_propostas.jsf;jsessionid=-B7p4Xat2j5m13jj+Tv6R1uh.sucupira-76).

  • Por meio de senha institucional, o Decanato de Pós-Graduação homologa a proposta para avaliação por aquele órgão.

  • O processo, contendo a proposta de criação de curso que foi aprovada pela CPP, ficará no Decanato até que o resultado da avaliação pela Capes seja divulgado.

  • O DPG comunica o resultado da Capes aos responsáveis, e três situações são possíveis:

1. Proposta aprovada pelo CTC da Capes: a Capes e o DPG comunicam (divulgação no site da Capes, por e-mail e/ou memorando/ofício) ao responsável pela proposta (e à secretaria do departamento e/ou unidade) a aprovação do curso, encaminhando, também, o ofício de aprovação emitido pela Capes e a Ficha de Avaliação. Esses documentos são incluídos no processo que contém a proposta de criação de curso que foi aprovada pela CPP, que então é encaminhado para aprovação pelo CEPE e depois para o CONSUNI.

2. Proposta com diligência documental/Visita Técnica: a Capes e o DPG comunicam (divulgação no site da Capes, por e-mail e memorando/ofício) ao responsável pela proposta e à secretaria do departamento e/ou unidade a necessidade de uma visita da Capes ou uma diligência documental para complementar as informações necessárias à avaliação da referida proposta.

3. Proposta não aprovada: neste caso, há a possibilidade de pedido de reconsideração no prazo definido pela Capes. A Capes e o DPG comunicam (divulgação no site da Capes, por e-mail e memorando/ofício) ao responsável pela proposta e à secretaria do departamento e/ou unidade a não aprovação do curso, juntamente com o ofício emitido pela Capes e a Ficha de Avaliação. Nesta etapa, a Capes e o DPG informam (divulgação no site da Capes, e-mail, memorando/ofício), ainda: i) o prazo para envio do pedido de reconsideração; ii) as instruções para a elaboração do pedido.

  • A Capes submete a proposta ao Comitê da Área (CA) indicado na Proposta;

  • A Capes submete o parecer do CA ao seu Conselho Técnico-Científico (CTC), que tem calendário fixo de reuniões.

  • O resultado da avaliação do CTC é comunicado ao DPG, por meio de ofício. A Ficha de Avaliação também é divulgada no site da Capes:

1. Curso aprovado: os responsáveis encaminham carta ao DPG, por meio de UnBDoc, solicitando autorização para início de funcionamento do curso (informa o semestre e o ano de ingresso). Deve ser anexada cópia do ofício da Capes que informa sobre a aprovação e cópia da Ficha de Avaliação emitida pela Capes. O DPG faz um despacho ao Gabinete do Reitor solicitando a autorização para funcionamento provisório do curso. Após a emissão do Ato da Reitoria, o DPG o envia para os responsáveis pelo curso novo e também para a SAA para registro no sistema (SIPPOS).

2. Curso não Aprovado pela Capes: Se for o caso, o(s) responsável(eis) deve(m) enviar ao DPG, até o prazo definido anteriormente, o Pedido de Reconsideração ao e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou para outro endereço eletrônico indicado pelo DPG.

3. Curso em diligência documental/Visita Técnica: O(s) responsável(eis) deve(m) enviar ao DPG os documentos até o prazo informado anteriormente, por e-mail, e/ou informar ao DPG a data da visita técnica agendada pelo Coordenador do Curso.

Formulários

Orientações Gerais e Critérios específicos Mestrado/Doutorado Acadêmico:

http://www.capes.gov.br/avaliacao/entrada-no-snpg-propostas/mestrado-e-ou-doutorado-academico

Orientações Gerais e Critérios específicos Mestrado Profissional:

http://www.capes.gov.br/avaliacao/entrada-no-snpg-propostas/mestrado-profissional

 

Como submeter Propostas de Cursos a Avaliação da Capes:

http://www.capes.gov.br/avaliacao/entrada-no-snpg-propostas/91-conteudo-estatico/avaliacao-capes/6828-como-submeter-propostas-de-cursos-a-avaliacao-pela-capes

 

Orientações/Informações:

As propostas devem conter os seguintes elementos:

- Aprovação da proposta nas instâncias deliberativas da(s) unidade(s) envolvida(s) (Colegiado e/ou Conselho). Observar na elaboração da proposta as recomendações da Circular DPP nº 023/2011 (ver link: Circular DPP nº 023/2011)

Circular DPP nº 023/2011

- Projeto (objetivo, justificativa, estrutura curricular, instalações etc.).

- Currículo Lattes de todos os docentes envolvidos.

- Regulamento do curso proposto, informando, inclusive, os critérios de credenciamento de orientadores, conforme Resolução da CPP nº 002/2011, disponível em:

CPP nº 002/2011

- Formulários de Criação de Disciplinas de Pós-Graduação preenchidos.

- Avaliação de impacto em outros PPG da UnB.

Check List para Solicitação de aprovação de proposta de cursos novos de mestrado e doutorado (APCN)

Item

Sim

Não

01 – Encaminhou o memorando assinado pelo Chefe da Unidade com a aprovação da proposta nas instâncias deliberativas da(s) unidade(s) envolvida(s) (Colegiado e/ou Conselho)?

   

02 – Encaminhou projeto conforme manual APCN da Capes?

   

03 – O processo possui currículo Lattes de todos os docentes envolvidos?

   

04 – O processo possui Regulamento do curso proposto informando, inclusive, os critérios de credenciamento de orientadores?

   

05 – O processo possui Formulários de Criação de Disciplinas de Pós-Graduação preenchidos?

   

06 – O processo possui Avaliação de impacto em outros PPG da UnB?

   

Como prorrogar o prazo da defesa de dissertação/tese?

Objetivo

  • Estender o prazo para defesa de dissertação/tese.

Como funciona?

  • Enviar memorando com a solicitação de prorrogação de prazo para defesa de dissertação/tese, juntamente com todos os documentos necessários, ao Decanato de Pós-Graduação (DPG).

  • O DPG analisa a solicitação e, caso seja aprovada, o novo prazo é registrado no sistema da pós-graduação (SIPPOS).

  • O DPG retorna o processo ao programa para conhecimento.

Legislação

Resolução CEPE nº 0080/2017 (Regulamenta os Programas de Pós-Graduação na UnB)

Art. 24. Os Regulamentos dos Programas de Pós-Graduação estabelecerão os prazos mínimos e máximos para o aluno completar o curso de Mestrado e Doutorado, incluindo a elaboração e a defesa da Dissertação de Mestrado ou da Tese de Doutorado, não podendo ser inferior a 12 e superior a 24 meses para o Mestrado, nem inferior a 24 e superior a 48 meses para o Doutorado.

Parágrafo único. Excepcionalmente, perante a apresentação de razões amplamente justificadas e de cronograma que claramente indique a viabilidade de conclusão pelo aluno, esses prazos poderão ser alterados por um período de até seis meses no caso do Mestrado e de até 12 meses no caso do Doutorado, mediante solicitação circunstanciada a ser avaliada pela Comissão de Pós-Graduação do Programa.

 

Resolução CEPE nº 48/2003 (Direitos acadêmicos de alunos regulares Portadores de Necessidades Especiais -PNEs da UnB)

Formulário aluno SAA (PNE)

 

Formulários

  • Requerimento de prorrogação de prazo para defesa de dissertação/tese. Disponível no link:

http://dpg.unb.br/images/Artigos/FAQ/prorrogacao/formulario_prorrogacao2018.doc

ou inserir no processo SEI - Formulario - Documento Modelo: 2224760 - Público - Confirmar Dados

 

Orientações/Informações

  • As solicitações devem conter todos os documentos listados no formulário:

- Solicitação assinada pelo discente com cronograma de atividades para o período da prorrogação proposto.

- Parecer do orientador concordando com o pedido de prorrogação de prazo.

- Histórico Escolar atualizado.

- Tela FORPEN do SIPPOS impressa e atualizada. (Para que o DPG possa conceder a prorrogação de prazo, o aluno não deve possuir pendências de integralização de créditos/pré-requisitos.).

- Aprovação da prorrogação de prazo pela Comissão e/ou Colegiado do Programa e/ou da unidade.

Procedimentos

Preenchimento do Requerimento de Prorrogação de Prazo

  • Preencher nome do aluno, número de matrícula, nível (mestrado/mestrado profissional/doutorado).

  • Escrever justificativa para a prorrogação de prazo (acrescentar mais folhas caso o campo não seja suficiente).

  • Adicionar a data aprovada pela Comissão e/ou Colegiado conforme prazo máximo estipulado pela Resolução CEPE nº 80/2017

  • Adicionar a data provável da defesa de dissertação.

  • Solicitar a assinatura do requerimento pelo Coordenador do Programa.

Envio do processo

  • Encaminhar memorando com todos os documentos à DIRPG, via DPG.

 

Check List para Prorrogação de Prazo de Defesa de Dissertação/Tese

Item

Sim

Não

01 – Utilizou o formulário de prorrogação de prazo?

   

02 – Preencheu todos os campos do formulário de prorrogação de prazo?

   

03 – O processo possui justificativa do aluno com sua assinatura?

   

04 – O processo possui parecer do orientador do aluno?

   

05 – O processo possui histórico escolar atualizado do aluno?

   

06 – O processo possui tela FORPEN do SIPPOS impressa e atualizada?

   

07 – O processo possui aprovação da prorrogação de prazo pela Comissão e/ou Colegiado do Programa e/ou da unidade?

   

08 - Encaminhou o memorando com assinatura do Coordenador do Programa para a DIRPG, via DPG?

   

Como realizar o trancamento geral de matrícula e desligamento?

Objetivo

  • Orientar sobre o procedimento para trancamento geral de matrícula e desligamento de discente.

Como funciona?

  • O Trancamento Geral de Matrícula será concedido apenas nos casos em que fique comprovado o impedimento involuntário do aluno para exercer as atividades acadêmicas.

  • Não é possível efetuar o trancamento após o término do prazo final de permanência do discente no programa. Somente poderá ser efetuado dentro dos 4 períodos de permanência do mestrado e dos 8 períodos de duração do doutorado.

  • Preencher o memorando com a solicitação de trancamento geral de matrícula ou desligamento e encaminhar ao Decanato de Pós-Graduação (DPG).

  • O DPG analisa a solicitação no caso de Trancamento Geral de Matrícula e no caso de desligamento, e encaminha à Secretaria de Administração Acadêmica para providências.

Legislação

Resolução CEPE nº 0080/2017 (Regulamenta os Programas de Pós-Graduação na UnB), disponível no link:

http://www.dpg.unb.br/index.php?option=com_content&view=article&id=567:resolucao-cepe-n-0080-2017&catid=2&

Resolução DPG 005/2018 (Regulamenta o prazo de permanência - licença maternidade) 

 Trancamento:

 O Trancamento Geral de Matrícula dos cursos de Pós-Graduação só poderá ocorrer por motivo justificado, sendo necessário que fique comprovado o impedimento involuntário do aluno para exercer suas atividades acadêmicas.

Parágrafo único. O Trancamento Geral de Matrícula não poderá ser concedido por mais de um período letivo durante a permanência do aluno no curso, exceto por razões de saúde do discente.

O Trancamento de Matrícula em Disciplina deverá ser encaminhado pelo Coordenador do Programa mediante parecer circunstanciado do orientador do aluno e aprovação da Comissão de Pós-Graduação.

Desligamento:

Art. 31. O aluno será automaticamente desligado do curso pela Secretaria de Administração Acadêmica na ocorrência de uma das seguintes situações: I ­ duas reprovações em disciplinas; II ­ duas reprovações no exame de qualificação; III ­ se não efetivar matrícula findo o trancamento previsto no artigo 29; IV ­ se não efetivar matrícula a cada período letivo; V ­ se for reprovado na defesa de tese ou dissertação; VI ­ se ultrapassar o prazo máximo de permanência no curso, previsto no artigo 24, ou os prazos estabelecidos no artigo 39; VII ­ por motivos disciplinares previstos no Regulamento do Programa ou no Regimento Geral, após análise do processo administrativo.

Art. 32. Na eventualidade de um aluno desejar reingressar no curso após desligamento, só poderá fazê­lo mediante nova seleção pública. § 1 o Disciplinas cursadas anteriormente à admissão poderão ser aproveitadas após análise pela Comissão de Pós­Graduação, levando­se em conta os dispositivos do artigo 25. § 2 o É vedada, por dois anos, a admissão em qualquer curso de Pós­Graduação na Universidade de Brasília de aluno desligado em função do estabelecido no artigo 31, VII, desta Resolução.

Orientações/Informações

  • As solicitações devem conter todas as informações solicitadas listadas no formulário de solicitação do aluno.

Procedimentos

Preenchimento do formulário solicitação do aluno, disponível no link:

http://www.saa.unb.br/images/stories/documentos/formularios/solicitacao_aluno.pdf

  • Preencher nome do aluno, número de matrícula, nível (mestrado/mestrado profissional/doutorado).

  • Marcar o item Trancamento Geral de Matrícula ou Desligamento voluntário (se for o caso).

  • Adicionar justificativa.

  • Solicitar análise da solicitação pela Comissão de Pós-Graduação/CPG.

  • Solicitar assinatura do requerimento pelo Coordenador do Programa.

  • No caso de desligamento por algum motivo, não há necessidade de envio do formulário de solicitação do aluno. Apenas um memorando assinado pelo coordenador do programa indicando o item do referido artigo é suficiente.

Envio do processo

  • Encaminhar memorando com todas as informações à DIRPG, via DPG.

 

Check List para solicitação de trancamento geral de matrícula e desligamento de discente

Item

Sim

Não

01 – Encaminhou memorando de solicitação de trancamento?

   

02 – Encaminhou o formulário solicitação do aluno (no caso de Trancamento Geral de Matrícula e Desligamento Voluntário) com motivo justificado?

   

03 – Observou o período de permanência?

   

04 – Anexou histórico escolar?

   

05 – O processo possui apreciação da Comissão do programa e assinatura do Coordenador?

   

Como enviar o relatório de defesa ?

Objetivo

Homologação dos relatórios de defesa de dissertação/tese para fins de diplomação.

Como funciona?

O DPG recebe via SEI, a documentação referente à defesa contendo:

1 Despacho informando o encaminhamento do Relatório de defesa;

2 Relatório de Defesa extraído do SIPPOS, contendo:

  • Título idêntico no relatório de defesa e na cópia digitalizada do trabalho final;
  • Assinaturas de todos os membros da banca. (O presidente da banca só poderá ser substituído por outro membro que seja vinculado à unidade)
  • Marcação do resultado – CAMPO 4 do Relatório:
    • Se o resultado for aprovação ou reprovação, apenas uma opção;
    • Se o resultado for “revisão de forma”, marcar o campo que indica a entrega da revisão de forma;
    • Se o resultado for “reformulação”, indicar o prazo determinado para nova versão da banca;
    • Autenticação do Presidente da Comissão Examinadora – Assinatura e Data;
    • Autenticação do Coordenador do Curso - Data, Carimbo e Assinatura;
    • Ciente do Aluno – Data e Assinatura.

3 Cópia Digitalizada em PDF do trabalho final(tese/dissertação) - arquivo separado;

4 Resumo do Trabalho em PDF - arquivo separado:

  • Nome Completo do Autor;
  • Título (Idêntico no Relatório da Defesa e na CÓPIA da dissertação/tese);
  • Nome do curso;
  • Data da defesa;
  • Nome Completo do Orientador;
  • Resumo em Português;
  • Palavras chaves em Português;
  • Resumo em Inglês;
  • Palavras chaves em inglês.

5 Termo de Autorização para Publicação de Teses e Dissertações, com todos os campos preenchidos e assinados.

Legislação

  • Resolução do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão - CEPE nº 80/2017.

CEPE nº 80/2017

  • Resolução do DPP nº 002/2006.

Legislação DPP 002/206

Formulários

Declaracao de ciência de propriedade intelectual

Termo de Autorização para Publicações de Teses e Dissertações Eletrônicas (TDE) na Biblioteca Digital de Teses e Dissertações (BDTD) (.pdf)

Termo de Autorização para Publicação de Teses e Dissertações Eletrônicas IBICT

No caso da liberação para publicação ser "parcial", preencher o formulário a seguir:

Formulário de solicitação para publicação parcial no repositório institucional da UnB

Para estender o prazo de publicação parcial, preencher o formulário a seguir:

Formulário de solicitação de extensão do prazo para publicação parcial no repositório institucional da UnB

Procedimentos

  • O servidor do DPG verifica se a Ata do relatório de defesa está preenchida corretamente e com todas as assinaturas originais. Também serão verificados o arquivo da dissertação ou tese completa, em PDF; o arquivo com o resumo que deverá estar de acordo com as normas da BCE e o formulário do IBICT preenchido com a liberação para publicação parcial ou total.
  • A Ata será assinada pelo Decano(a) ou seu representante e enviada à SAA, junto com o processo completo, para emissão do Diploma e à BCE para publicação.

Check List para Envio de Relatório de Defesa de Dissertação/Tese para emissão de diploma

Item Sim Não
O processo possui despacho informando o encaminhamento de Relatório de defesa, pelo Programa?
Os dois arquivos dos Itens 3 e 4 estão em PDF e estão separados no processo?
O processo possui Ata da defesa com a assinatura de todos os membros efetivos da banca e do aluno?
A Ata de defesa possui indicação do resultado da avaliação?
O processo possui formulário do IBICT preenchido com a liberação para publicação parcial ou total da dissertação/tese?
O processo possui justificativa e aprovação pela comissão do Programa da liberação parcial da dissertação/tese? (SÓ NO CASO DE LIBERAÇÃO PARCIAL)
Todos os documentos externos anexados ao SEI foram assinados digitalmente com a finalidade de autenticação?

Os PPG’s tem autonomia para aprovar e editar (quando necessário) as bancas de defesa, até a data da homologação da defesa pela SAA.

Clique aqui:  Aprovação de Bancas



 Como participar da seleção de monitores para os cursos de pós-graduação?

Objetivo: 

  • Seleção de monitores para os cursos de pós-graduação.

Legislação

  • Resolução do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão nº 008/1990, que dispõe sobre Sistema de Monitoria da Universidade de Brasília. Disponível em:

http://dpg.unb.br/index.php?option=com_phocadownload&view=category&download=90:resolucao-cepe-008-90&id=150:resolucao&Itemid=429

Formulários

  • Os formulários para inscrição estão disponíveis no seguinte link

http://dpg.unb.br/images/phocadownload/MonitoriaII/Formulario/Formulario_Inscricao__Monitoria_II_2018.doc

  • Os formulários para Relatório de Monitoria II estão disponíveis em:

Relatório de Conclusão de Monitoria II

PARA REMUNERADAS, deve ser enviado também este TERMO DE COMPROMISSO.

Orientações/Informações

  • O período de inscrição será aberto no início de cada semestre letivo. Uma circular é enviada a todos os PPG com o período de início e fim. Esse período pode ser consultado no calendário da UnB, disponibilizado pela SAA: http://www.saa.unb.br/calendarios
  • Há duas categorias de Monitoria II:
    • Remunerada
      • Não será autorizada Monitoria II remunerada para alunos contemplados com bolsas ou outro tipo de rendimento.
      • O valor é de R$ 1.055,25, pago em parcela única no final do semestre de realização da Monitoria II
    • Não Remunerada
  • Classes da Monitoria II
    • Aluno de mestrado – pode ser monitor em disciplinas de graduação e disciplinas de pós-graduação (mestrado).
    • Aluno de doutorado – pode ser monitor em disciplinas de graduação e disciplinas de pós-graduação (mestrado e doutorado).

           O aluno somente poderá exercer uma monitoria por período letivo.

           Não será concedida Monitoria II exercida pela segunda vez na mesma disciplina.

           A Monitoria II não poderá ser exercida concomitantemente com a disciplina “Estágio Docente” ou equivalente, com a mesma disciplina.

           Concessão de 02 (dois) créditos pela atividade de monitoria no período.

Procedimentos

Encaminhamento:

  • As solicitações deverão ser inicialmente submetidas à Coordenação de Pós-Graduação do curso ao qual o aluno está vinculado, que as encaminhará do DPG, observando a data do calendário oficial, acompanhada de:
  1. Formulário de inscrição;
  2. Termo de compromisso assinado pelo candidato;
  3. Histórico escolar do curso de graduação;
  4. Histórico escolar do curso de pós-graduação;
  5. Plano de trabalho individual, elaborado pelo candidato em conjunto com o professor responsável pela disciplina no qual conste: descrição das atividades a serem desenvolvidas pelo monitor; exposição mostrando a contribuição das atividades propostas para a formação do monitor e para o desenvolvimento da disciplina.

Obs.: Caso a disciplina pretendida não conste no histórico escolar do aluno, o orientador deverá fazer uma carta justificando que a experiência do aluno adquirida durante graduação e/ou pós-graduação habilita-o para a monitoria solicitada.

-Julgamento: As solicitações serão avaliadas e julgadas.

-Prazo para recurso: Os recursos deverão ser entregues no DPG (via SEI) até 5 (cinco) dias úteis após a divulgação do resultado.

-Concessão dos créditos: Os créditos serão concedidos após aprovação do relatório do monitor e do professor da disciplina, ao final do semestre letivo.

        PARA REMUNERADAS, deve ser enviado também este TERMO DE COMPROMISSO.

 

Para mais informações:

http://dpg.unb.br/index.php?option=com_phocadownload&view=category&id=25&Itemid=429

 

Como realizar a elaboração e encaminhamento de edital de seleção?

Objetivo

  • Orientar o preenchimento do edital de seleção para o processo seletivo de entrada de novos alunos no programa de pós-graduação.

Como funciona?

Conforme Resolução CEPE Nº0080/2017 (Regulamentação Programas de Pós-Graduação na UnB), disponível no link: CEPE 80/2017 

- Art. 15: A admissão de alunos nos cursos de Pós-Graduação será feita por seleção pública, que pode se dar em fluxo contínuo, a critério do Programa. 

- Art. 18: O número de vagas para admissão nos cursos de Pós-Graduação e o respectivo edital de seleção deverão ser propostos pelo Colegiado do Programa de Pós-Graduação e encaminhados ao Decanato de Pós-Graduação pelo menos 45 dias antes do início das inscrições para a seleção.

Será enviado pelo SEI, tipo de processo "Stricto Sensu: Processo de Seleção", unidade DPG/DIRPG com os seguintes documentos anexados:

  • edital elaborado conforme modelo de edital de pós-graduação (ver modelo abaixo em formulários), assinado pelo Coordenador, e em formato PDF;

  • Ata de reunião (assinada), em formato PDF ou digitado no SEI, de Colegiado ou Comissão de Pós-Graduação com a aprovação de edital

  • Formulário de propostas de vagas devidamente preenchido e assinado, em formato PDF.

  • O DPG analisa o edital de acordo com o modelo e as peculiaridades de cada programa e, caso seja aprovado, será encaminhado para posterior publicação de responsabilidade e critérios do Programa e uma cópia na página do Decanato de Pós-Graduação.

Formulários

Os formulários diversos, encontram-se disponíveis nos links abaixo:

Modelo Formulário de Proposta Vagas

Modelo de Edital de seleção DPG

Modelo de Edital de retificação DPG

Formulário de Recurso

Formulários de homologação de resultado final de edital 

 

Software para inscrição de seleção de candidatos na UnB - Informações: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

A solicitação de liberação de acesso parte do Programa de Pós-Graduação com um despacho da Coordenação do Programa via SEI informando qual será o Gestor responsável por inserir o dados perante o sistema com as seguintes informações:

Nome Completo do Servidor / CPF / E-mail

Nome Completo do Departamento / Programa de Pós-Graduação /  SIGLA / e-mail / Endereço / Telefone / Site

Inscrição Pós-Graduação

Tutorial parte 1 Tutorial Parte 2

Sugestão para os campos dos Formulários

Orientações/Informações

A solicitação de aprovação do edital deve conter:

  • Formulário de proposta de vagas preenchido:

  • Nome do programa.

  • Deliberação do colegiado e data da reunião.

  • Curso, vagas atuais e propostas.

  • Nome do coordenador e assinatura.

  • Relação dos professores em exercício no programa.

  • Relação dos professores afastados.

  • O edital e seus anexos em folhas separadas.

 Conforme Resolução CEPE Nº0080/2017, Art. 16, § 1º: Será exigida capacidade de leitura e compreensão em língua estrangeira a ser definida pelo Programa. Solicitando Certificados ou Prova para atestar a devida exigência.

Observar o intervalo da realização de etapas eliminatórias e os seus resultados para a etapa seguinte.

A cada etapa eliminatória e presencial deve ser dado um intervalo de, no mínimo, 2 (dois) dias úteis, destinados aos recursos e pedidos de reconsideração.

O encaminhamento do edital deve ser feito em formato PDF, via SEI, para análise e aprovação. Ficando o Programa responsável pelos critério de divulgação, e sendo posterior 01 via para publicação na página do DPG:

Programas e Editais de Pós-Graduação

Do resultado final só serão cabíveis recursos ao Colegiado do Programa, na hipótese de vício de forma, até 10 (dez) dias úteis após a divulgação dos Resultados Finais, como previsto no Regimento Geral da Universidade de Brasília, Artigo 61

 Procedimentos

Check List para aprovação de edital

Item

Sim

Não

01– Observou o modelo de edital que se encontra nesta página, na parte Formulários e atualizou as informações do edital?

   

02 –  Encaminhou junto com o Edital, o Formulário de proposta de vagas todo preenchido?

   

03 – Observou a numeração sequencial do edital e o ano que vai ser lançado?

   

04 – Verificou se os links dentro do edital estão certos e válidos?

   

05 – Verificou se as referencias estão corretas? (ex: O Formulário de inscrição encontra-se no anexo 1 e está lá mesmo).

   

06 – Verificou se há numeração repetida ou fora da sequência?

   

07 – Verificou se todas as datas de inscrição, de recursos, de provas estão corretas, compatíveis e fora de feriados e finais de semana?

   

08 – Observou a data de início das inscrições (posterior à aprovação e divulgação do edital pelo DPG)?

   

09 – Informou como será a avaliação de proficiência em língua estrangeira?

   

10 – Verificou se a resolução informada no edital, é a vigente (80/2017)?

   

11 – Verificou o prazo de antecedência que deve ser enviado o processo ao DPG?

   

12 – Encaminhou o memorando com assinatura do Coordenador do Programa para o DPG?

   

Como proceder para encaminhar a homologação do resultado final de edital de seleção?

Objetivo

  • Orientar sobre o encaminhamento de homologação do resultado final de seleção para a entrada de novos alunos em programas de pós-graduação da UnB.

Como funciona?

Conforme Resolução CEPE nº0080/2017, Art. 19. O processo de seleção será conduzido por Comissão de Seleção aprovada pela Comissão de Pós-Graduação e composta por professores do Programa.

§ 1º Ao final do processo de seleção, a Comissão de Seleção elaborará ata contendo todos os elementos do processo, a qual deverá ser aprovada pelo Colegiado do Programa e homologada pelo Decanato de Pós-Graduação.

O processo de Edital original deverá ser reaberto e então serão necessários os seguintes documentos no processo SEI:

  • Solicitação/memorando de homologação do resultato final de edital;

  • Ata do Processo de Seleção, aprovada pelo Colegiado do Programa, com informações sobre o número de vagas publicadas em edital, inscrições homologadas, candidatos aprovados e caso ocorra remanajamento de vagas sempre respeitando o total geral estabelecido no edital;

  • Lista das vagas oferecidas e dos candidatos aprovados, assinada pela comissão de seleção, com notas alcançadas por etapa e com nota final (modelo disponível em Formulários);

  • Lista e documentação dos candidatos selecionados para registro.

Legislação

Resolução CEPE nº 80/2017 (Regulamenta os Programas de Pós-Graduação na UnB), disponível no linkCEPE 80/2017 

 Formulários

Os formulários diversos, encontram-se disponíveis nos links abaixo:

Planilha de Homologação

Modelo do parecer técnico do DPG para a homologação

 Orientações/Informações

A solicitação/memorando de homologação do resultato final de edital deve conter:

  • Nome do programa de PPG;

  • Período do curso e da seleção;

  • Tipo de Pós-Graduação (Mestrado acadêmico, Mestrado profissional, Doutorado)

  • Quantidade de vagas destinadas para ações afirmativas, candidatos estrangeiros detalhado (porcentagem sobre o total de vagas, tipo de grupo como negros, índios, etc).

  • Nome do coordenador do PPG e assinatura.

 

Procedimentos

Check List para aprovação da homologação

Item

Sim

Não

01 – Localizou e reabriu o processo original do edital de seleção?

   

02 – Preencheu o modelo da lista dos candidatos aprovados de edital que se encontra nesta página, na parte Formulários e preencheu as informações?

   

03 – Inseriu a Ata do Processo de Seleção, aprovada pelo Colegiado do Programa, com informações sobre número de inscrições homologadas?

   

04 – Inseriu a lista e documentação dos candidatos selecionados para registro?

   

05 – Encaminhou o memorando de solicitação de homologação do resultado final com assinatura do Coordenador do Programa para o DPG?