À Coordenação de Cursos Stricto Sensu compete:

  1. analisar e emitir pareceres para a criação e finalização de cursos stricto sensu;
  2. organizar, sistematizar e divulgar dados e informações referentes a cursos stricto sensu;
  3. subsidiar o Decanato de Pós-graduação na elaboração de atos no âmbito de sua competência. 

 

 

 

Coordenador: Prof. Dr. Emerson Fachin Martins

Graduado Bacharel em Fisioterapia pela UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS (UFSCar) desde 1998. Titulou-se Mestre e Doutor em Psicologia (Neurociências e Comportamento) nos anos de 2001 e 2007, respectivamente, pelo Programa de Pós-Graduação em Psicologia na Área de Concentração de Neurociências e Comportamento da UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO (USP). É Professor Associado no Curso de Fisioterapia da FACULDADE DE CEILÂNDIA (FCE) da UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA (UnB) e Professor Permanente no PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS E TECNOLOGIAS EM SAÚDE (PPGCTS) e no PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA REABILITAÇÃO (PPGCR), ambos vinculados à FCE/UnB. É Professor Colaborador no PROGRAMA DE MESTRADO PROFISSIONAL EM PROPRIEDADE INTELECTUAL E TRANSFERÊNCIA DE TECNOLOGIA PARA INOVAÇÃO (PROFNIT), no CDT/UnB. Atua como coordenador do NÚCLEO DE TECNOLOGIA ASSISTIVA, ACESSIBILIDADE E INOVAÇÃO - NTAAI (Antigo Grupo de Pesquisa FUNCIONALIDADE E SAÚDE) desenvolvendo projetos nas linhas de pesquisa: (1) órteses, próteses e a otimização da interface corpo e máquina; (2) adequação postural e auxílio à mobilidade; (3) avaliação de tecnologias em saúde pela percepção do usuário; (4) auxílio à pessoa com deficiência sensorial e (5) treinamento, reabilitação e auxílio para a vida diária. Desenvolve o projeto de extensão de ação contínua: Viver sem limites em corpos que interagem com tecnologias. Realizou estudos avançados em nível de estágio pós-doutoral de 2013 a 2015 com Bolsa CAPES - BEX como pesquisador convidado no projeto DEMAR - DEAMBULATION ET MOUVEMENT ARTIFICIEL no LIRMM - LABORATOIRE D'INFORMATIQUE, ROBOTIQUE E MICROÉLECTRONIQUE DE MONTPELLIER que está vinculado ao Centre de Recherche INRIA Sophia Antipolis Méditeranée e a UNIVERSITÉ DE MONTPELLIER 2. É Bolsista Produtividade CNPq em Desenvolvimento Tecnológico e Extensão Inovadora - DT Nível 2. Atualmente lidera o grupo brasileiro de pesquisadores do CACAO, uma equipe associada entre Brasil e França financiada pela FAPDF (Brasil) e INRIA (França) para produzir soluções tecnológicas que favoreçam a mobilidade de pessoas com lesão medular e firmou colaboração científica com a The University of Sydney, na Austrália, para fortalecer a Fisioterapia Baseada em Evidências.